terça-feira, março 29, 2005

Fénix renascida (das cinzas)...não é esta a altura???

"Deus quer...
Que bela frase para começar um texto...! Mesmo quando tudo parece escuro e assustador é reconfortante pensar que Ele está sempre ao nosso lado...

Por mais caminhos que percorramos, por mais que pensemos no porquê das coisas...e muitas vezes não consigamos encontrar respostas... se olharmos com atenção é-nos dada, a cada momento da nossa vida, a hipótese de experienciar sentimentos, verdades, tristezas... que, se calhar, só mais tarde percebemos realmente "para quê"...

o homem sonha...

Há que seguir o coração...há que amar incondicionalmente... há que sentir as coisas! Há que não ter medo de escancar a porta quando for preciso...porque se todos temos uma porta... ela deve ser aberta sempre que sentirmos que vale a pena! Porque há coisas que valem mesmo a pena... A nossa casa deve ser partilhada, porque tudo aquilo que conseguimos criar e fazer crescer dentro de nós é a nossa pessoa, a nossa verdade... E não há coisa mais bonita que a verdade...!

A obra...

Uma das coisas mais bonitas que há no mundo é a coragem! Coragem para sonhar, para amar...para arriscar em tudo aquilo que acreditamos que realmente nos faz felizes! O medo é inimigo da coragem e muitas vezes abala-a e sufoca-a...Mas não podemos deixar dominar-nos por ele! Parto agora com forças renovadas para descobrir no mundo o que me faz realmente feliz, de mãos dadas com o medo, mas confiante de que a coragem de ser cada vez melhor vai vencer... Parto agora com a certeza de que cada momento difícil me ajuda a crescer...me ajuda a sentir e a conhecer-me cada vez melhor...

NASCE...!


Parto agora confiante de que o mundo lá fora me sorri...

1 Comments:

Blogger quilas said...

Parte. E se possível leva contigo a lembrança desta força toda, desta coragem, desta clareza de acreditar que no escuro não há só obstáculos, para que continues a acreditar em ti quando tudo não for mais assim... Não é assim mesmo que vivemos?

30 março, 2005 01:20  

Enviar um comentário

<< Home